11 de abr de 2012

“Jovens, como o Pai me enviou, assim eu vos envio”.

"A relação de amizade entre o jovem e Jesus deve ser sempre pautada na reciprocidade, pois foi por nós que Ele demonstrou o amor maior e ainda mais: este amor, Ele quis que estivesse sempre conosco, seja na Palavra, na Eucaristia ou no irmão menos favorecido.

Portanto, querida juventude, não tenha medo de abrir o coração para este Deus vivo que sentimos bem forte neste tempo pascal. Para a entrada dele em nosso coração, é necessário um mínimo de disposição em acolhê-lo.

Acolhendo vamos, dia após dia, alimentando esta presença ressuscitada e ressuscitadora. Sabemos em quem colocamos a nossa confiança, e, com certeza, seremos capazes de anunciar aos outros jovens não uma fé de palavras, mas uma fé verdadeiramente vivida e manifestada na solidariedade aos irmãos."

Padre Marcelo Gualberto - Secretário Nacional da Pontifícia Obra da Propagação da Fé e Juventude Missionária

Nenhum comentário:

Postar um comentário